• BRUXISMO

O bruxismo é um problema que tem como principal característica, o ranger ou apertamento dos dentes, um habito inconsciente, que pode provocar muitos prejuízos, como desgastes do dentes, problemas ósseos, na gengiva, dores de cabeça, no maxilar, apneia do sono, dor no ouvido, sensibilidade auditiva, estalos ou zumbidos no ouvido, tonturas, labirintite e outros. Costuma acontecer com maior frequência durante o sono e quando o problema se manifesta durante o dia, recebe o nome briquismo. 

O Bruxismo pode ser classificado como primário ou secundário. O primário não está relacionado a nenhuma causa médica evidente, clínica ou psiquiátrica, é um distúrbio crônico, que pode persistir desde a infância, adolescência, até a fase adulta. Já o secundário, pode esta associada a alguns transtornos, doença de Parkinson, efeito colateral a alguns medicamentos, drogas, cafeína, complicações de doenças e níveis de estresse e ansiedade. 

Causa e tratamento

Ainda não se sabe ao certo a causa, é multifatorial, mas sabe-se que atinge qualquer faixa etária, é normal ocorrem em crianças de até 6 anos, com o passar do anos vai diminuindo. Também pode esta relacionada ao alinhamento incorreto dos dentes, e em alguns casos é recomendado pelos dentistas o uso de placas, tratamentos com cirurgião dentista e ou ortodontistas.

O tratamento deve ser multidisplinar, com dentista, fonoaudiólogo, fisioterapeuta, psicólogo, psiquiatra. Pois o tratamento em conjunto, visa promover o alívio dos sintomas sejam eles, físicos e ou psicológicos.

A mastigação está envolvida nas estratégias emocionais relacionada a comida. Se estamos felizes, tristes, nervosos, comemos, não é mesmo? Logo o nosso corpo na tentativa de aliviar o estresse, mesmo que inconsciente, porque o cérebro acaba que não consegue identificar se existe alimento ou não e da um jeito de ativar a mastigação para aliviar a tensão. Não é de hoje que sabemos que a ciência já comprova que refletimos no corpo as nossas emoções, não existe mais a separação mente e corpo, esta tudo muito ligado, por isso que o nosso organismo aumenta atividade muscular, mas quando conseguimos identificar a causa do estresse e uma falta de controle nas emoções, conseguimos diminuir a respostas disfuncionais.

Agora, vale ressaltar que tem pacientes que relatam estarem calmos e mesmo assim continuam a ranger ou apertar os dentes..

.. Isso pode ter inúmeras explicações e uma delas é costume do comportamento do bruxismo em momentos estressores que acabam fazendo movimentos involuntários ou alguns aprenderem esse comportamento como mecanismo de concentração para executar as tarefas do dia a dia que nem percebem. Por isso é importante o acompanhamento psicológico, para avaliar cada caso de maneira singular. 

Tratamento psicoterapia

Quando as estratégias ocorrem de maneira disfuncionais para lidar com os problemas no dia a dia, os níveis de estresse e ansiedade aumentam, acabam gerando uma tensão psíquica, que é liberada de forma inconsciente durante o sono e interfere na qualidade de vida, devido as conseqüência já mencionadas. O sujeito acometido, pode ter prejuízos na rotina, desenvolvimento no trabalho, problemas nas relações e precisam do acompanhamento psicológico. Alguns são indicados outros já perceber os danos e a necessidade.

A abordagem Terapia Cognitivo Comportamental tem sido bem sucedida no tratamento do Bruxismo, por ser mais assertiva, focada no problema atual, devido às técnicas utilizadas com os pacientes.

A psicoeducação ajuda o paciente na compreensão dos seus hábitos comportamentais, a aprender a identificar de maneira consciente o que está provocando o ranger ou apertar dos dentes, a identificar os pensamentos distorcidos que ocorrem durante o dia, aprende a construir ou evocar as estratégias de resolução de problemas, dicas de higiene do sono, controle do estresse, técnicas de relaxamento. Baseado no relato do paciente, é traçado a melhor intervenção para seu caso.

* Evite a automedicação, procure um profissional adequado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *