Dúvidas Frequentes

COMO FUNCIONA A TERAPIA ?

A primeira consulta:
Este é um momento onde iremos nos conhecer, você pode expor o que te levou a terapia, tirar suas dúvidas e eu te explico mais sobre a abordagem, sobre processo terapêutico, contrato.

Tempo das sessões e duração do tratamento:
Ingressando na terapia, as sessões ocorrerão semanalmente, dia e horário previamente agendados, com duração de até 50 minutos cada.

O tempo do tratamento é individual, depende da demandas, do objetivo e metas a serem trabalhadas e é um processo colaborativo, entre paciente e terapeuta. Vale ressaltar também que cada ser humano é único e cada um tem o seu próprio tempo e necessidades específicas, não sendo possível padronizar o mesmo tempo para todos.

Sigilo profissional:
Não precisa se preocupar, tudo o que você disser, ficará entre nós.
O Código de Ética da Psicologia estabelece que tudo que for falado em ambiente terapêutico é protegido pelo sigilo profissional.

Alta na Terapia?

Sim, o processo de alta acontece de forma muito natural e de forma gradual. Um dos objetivo da terapia é tornar os pacientes autônomos, no controle da suas emoções e quando isso ocorre, estão prontos para serem seus próprios terapeutas!

Os atendimentos vão diminuindo de frequência, até o desligamento total do cliente, mas pode durar mais tempo se o paciente quiser explorar novas questões pessoais e também podem voltar quando surgir eventualmente novas demandas em suas vidas.

Convênios e Reembolso:
Atendo Particular e alguns convênios, entre em contato comigo para saber se o seu plano de saúde está na lista. Entretanto, alguns planos de saúde fornecem reembolso de consulta psicológica mediante ao recibo.
Se for este o seu caso, posso emitir recibo para você apresentar ao seu convênio e obter o reembolso.

Como escolher um psicólogo?
Dentro da Psicologia existem diversas abordagens teóricas , como a Terapia Cognitiva, Gestalt, Bioenergética, Existencial Humanista e a Psicanálise ( sendo que essa pode não ser exercida por um psicólogo e sim por um terapeuta de formação).

É muito comum algumas pessoas ficam confusas mesmo sobre qual escolher, mas saiba que as abordagens psicoterapêuticas são linhas teóricas que orientam a prática do profissional e cada pessoa vai se identificar mais com uma ou com outra. Pesquise um pouco sobre cada uma ou caso tenha indicação de um psicólogo, vá até a consulta, conheça a maneira do profissional trabalhar, dê um voto de confiança e tempo para você decidir se sentiu afinidade ou como eu prefiro chamar, vínculo terapêutico para continuar. Aqui no site tem um pouco sobre a minha abordagem, Terapia Cognitivo Comportamental, fique a vontade para ler e tirar suas dúvidas.

Psicologia e psiquiatria é a mesma coisa?
São duas áreas da saúde mental que se complementam e andam juntas para acompanhar alguns casos clínicos, mas não é a mesma coisa, são formações diferentes.

O psiquiatra possui graduação em Medicina e se especializa em psiquiatria, logo ele possui um amplo conhecimento sobre a parte biológica e física do paciente, tem permissão para receitar medicamentos para cada paciente ciente da mudança farmacológica no organismo. O psicólogo cursou Psicologia, ele é habilitado para compreender os processos mentais e cognitivos do paciente, não pode prescrever medicamentos, mas como saúde mental é um campo de conhecimento da psicologia, o psicólogo também tem a permissão de diagnosticar e tratar transtornos mentais graves, com técnicas e abordagem específicas do seu campo de conhecimento.

​​

​​